(710)_marnotos_final

Partilhas

Nesta página damos a conhecer projectos onde partilhamos experiências e reavivamos locais e sentimentos. O prazer de experimentar, de descobrir, aprender e evoluir.

A Quinta dos Cozinheiros produziu vinhos originais na primeira metade dos anos 2000, com base em vinhas situadas a 8 km do mar, perto da Figueira da Foz. Nessa época, nunca escondi a minha admiração pelos vinhos da Quinta dos Cozinheiros e por José Mendonça, o seu mentor, que tragicamente faleceu em 2008. O projeto perdurou até 2011. Sempre desejei reavivar as vinhas velhas dos Cozinheiros, local onde não existe uma separação física entre as diferentes castas plantadas e onde predominam a Baga – ou Poeirinho, como é localmente conhecida -, nos tintos, e a Maria Gomes (ou Fernão Pires) nos brancos. As condições reuniram-se em 2015. Parti para este sonho com António Marques da Cruz, da Quinta da Serradinha, em Leiria, o parceiro natural.

Os vinhos de 2015 são resultantes de cofermentações naturais em tanques de cimento. O VINHO DE MESA DOS COZINHEIROS é uma cofermentação natural de uvas tintas e brancas diversas, oriundas de vinhas entre os 10 e os 50 anos de idade. O UTOPIA DOS COZINHEIROS é uma cofermentação natural da casta Baga, oriunda de vinhas com aproximadamente 50 anos de idade, com uvas brancas variadas, estagiando em barricas usadas de madeira. Procurámos, nos dois vinhos, uma identidade selvagem que misture as sensações das plantas com a salinidade do mar. Há uma profunda identidade nos vinhos produzidos nestas vinhas atlânticas.

UTOPIA_FINAL_01_06_2016

Vinho Região Solo Casta Álcool Açúcar Residual Acidez Total Ph
Vinho de Mesa dos Cozinheiros 2015 Vinho de Portugal Granítico Baga e mistura 12.5% Vol. 2.0 g/l 6.0 g/dm3 3.53
Utopia dos Cozinheiros 2015 Vinho de Portugal Granítico Baga e mistura 13.0% Vol. 2.0 g/l 7.0 g/dm3 3.4